27 de fev de 2011

Pingue-Pongue (Ou "O gatilho rápido de Renatinha")

Show your weapons!
Com alguns dias de affair, íamos pegando intimidade e conversando de um jeito mais solto.
 
- Fala sério... Você ia para o Bar das Velhas com o objetivo de paquerar, mesmo?

Embora à primeira vista isso possa parecer o contrário, eu que tinha perguntando a ela.
 
- Ia, ué?
- Por quê?
- Não achei você lá?
- Por acaso. Eu não teria ido lá paquerar.
- Por isso!
- Por isso?
- É. Sei lá... Quando a gente vai naqueles barezinhos na Asa Sul fica tudo parecendo falso!
- ???
- Os caras todos penteadinhos, bonitinhos, demonstrando que são ricos - sejam ou não! Metidos a viris, vencedores, e ao mesmo tempo dando uma de educadinhos... Não gosto, sabe. É artificial.
- Lá no Bar das Velhas, por outro lado...
- Lá é outra coisa, ó! Achei você meio desarrumado.
- Eu até que tinha pretendido me arrumar...
- Não é assim nenhum galã!
- Mas pegável, pelo jeito!
- Claro, claro... Pobre!
- Pô! Para os padrões de Brasília!
- Para os padrões dos trinta anos, também!
- É...
- Pois é...
- Fale mais! O assunto tá agradável!
- Tá bom! Não tem o pau grande!
- Pô! Mas também não é pequeno!
- Mas para alguém tão desprovido de atrativos, poderia ao menos...
- Você tá comigo porquê, ora?
- Boa pergunta!
- ...
- ...
- Talvez meu senso de humor... Eu te faço rir!
- Fica fazendo piada o tempo todo, acaba acertando uma ou outra! Mas não chega a ser nenhum Danilo Gentili.

Fui comparado com o Danilo Gentili e perdi. Tô no lixo. O jeito é tentar dobrar a aposta.

- Bom de cama!
- É... É. Isso é!
- !
- Mas não fique convencido!

Ah, os diálogos de Renatinha!

3 comentários:

Silvia Whatever disse...

Até que este post não foi tão ruim. hahahaha

d1T0 disse...

Aqui em SP o bar desse naipe é o Charles Edward... nunca fui (claro) e isso de começar a namorar via bar estranho pode acabar sério, rapaz...

d1T0 disse...

aquilo ao lado direito do BAIANO NO PLANALTO CENTRAL é um pinto?